Uma cadeira que não fiz


[A propósito da morte Sylvia Kristel (1952-2012), cujos filmes nunca vi.]

2 comentários :


  1. É a sina do jornalismo português, falar sobre aquilo que não se conhece.

    ResponderEliminar